quinta-feira, setembro 14, 2006

Futebol é lazer; não é para morrer


X
Com vergonha. É assim que me sinto ao perceber que parte dos botafoguenses do Rio, que têm o privilégio de ver o glorioso em campo e no Maracanã, se dediquem a pregar a violência.

Na semana passada um torcedor do glorioso morreu como um bicho no meio da rua. "Lutava" contra torcedores do fluminense, no Méier.


Não bastasse esse fato está marcado para hoje um novo confronto.Será o segundo jogo pela Copa Sulamericana.

Na página de uma das torcidas "organizadas" está sendo a anunciada a vingança. O espaço para as provocações é o Orkut. A polícia está agindo, mas não conseguiu prender ninguém.

O resultado é que os filhos que têm pai, e os pais que amam os seus filho não os deixarão ir ao estádio. Só os idiotas é que devem ocupar as arquibancadas.

Como torcedor curto o espetáculo. A barbárie só interessa aos "bombados" tomadores de anabolizantes.

Por esta razão devo admitir que uma alternativa será a realização dos jogos com portões fechados.

Que pena que o clássico vovô não tenha servido como um elemento de sabedoria, que só nossos avós têm.

É lamentável!

Diante disso o meu placar é o seguinte;

Vida 10 x O violência

Um comentário:

Silvia Falcão disse...

Lamentável!
Até quando a violência de mentes doentias ofuscará a beleza da arte, da alegria de uma partida de futebol ???
Vida 10 x Violência 0