quinta-feira, dezembro 18, 2008

Sapucaia se auto denuncia e detona esquema

A natureza criou uma árvore que entre as qualidades tem a resistência. Se chama Sapucaia. É uma madeira de lei. Não as leis do código penal. Essa é coisa de outro Sapucaia. Digo, o Antônio! Amigo do combativo jornalista e advogado, Tobias Granja.




Ontem ele demonstrou compreender o jogo de mão dupla que é a informação e contra-informação. Na semana seguinte em que foi homenageado na Assembléia Legislativa seria desmoralizado por não ter um "diploma" de auto-escola.



Mas antes da porrada da mídia, quem deu a lapada foi o próprio Sapucaia. Bem ao seu estilo, antes de ser atacado, atacou! Bateu forte e assumiu ter sido envolvido num esquema fraudulento para renovação de carteiras de habilitação.


"Não sabia!", disse.

O efeito dessa frase curta seria outro se ao ivés do próprio Sapucaia se denunciar, fosse a mídia-com uma suposta fonte-que fizesse a revelação. Com a habilidade de um motorista astuto ele se livrou do buraco e das curvas perigosas que se escondem em algumas manchetes.

"Queriam me desmoralizar!", afirmou o ex-desembargador.


Franqueza

Se dirigindo com franqueza para os jornalistas o diretor do Detran mostrou conhecer a via de mão dupla que escondem os fatos. Amorteceu os títulos das matérias. Escapou do "Sapucaia é pego em esquema" e deu lugar ao "Sapucaia desmonta esquema!".

Só quem conhece o "jogo" de bastidores do jornalismo, como os jornalistas conseguiria driblar o destino das chamadas. (Para quem não sabe Sapucaia foi repórter e editor do Jornal Gazeta). Com a prova da fraude nas mãos se auto denunciou. Incrível! Tão forte quanto uma colisão frontal.

Com habilidade na direção Sapucaia escapou de uma batida lateral no cruzamento, dando uma porrada por trás de seus supostos "denunciantes".

Motorista prudente terminou a entrevista coletiva sobre o caso admitindo que voltará para uma auto-escola. "Vou para uma dessas aí que for boa", avisou.

Slogan

Sem querer a que procurar terá uma mídia espontânea. Já penso até no slogan para comerciais. "Nessa o Sapucaia confia!" ou "Faça como Sapucaia ande na direção certa!"

Imaginem só...campanhas publicitárias na TV...chamadas em rádios...ou simplesmente frases nos pára-choques de caminhão.

De qualquer modo Sapucaia mudou a famosa frase usada pelo Grupo Bloc para vender seu principal produto impresso, a revista Manchete.

"Aconteceu virou Manchete!" caiu para "Aconteceria e virou manchete".

Cada vez mais me convenso que o Dentran nasceu para o Sapucaia. Até os verbos (conduzir-dirigir-agir-mudar) de sua personalidade rimam com o jargão da nova missão.

Como Sapucaia não é candidato a nada até o final de sua gestão não vira nem para a esquerda, nem para a direita. Talvez por isso aceitou um cargo no governo tucano, que como estrada o muro.


Gandhi

O nosso Gandhi continua fazendo uma gestão de "resistência pacífica". Companheiro, por favor, não pise no freio. Atropele a incompetência e mande para o acostamento quem atrapalha o trânsito administrativo.




Agora, mude o lento sistema de informática. Ele só vive estancando!






2 comentários:

Silvan Sapucaia disse...

Caro Tchôla, gostei do "Slogan". KKKK
Um abraço e sucesso em 2009.

Patricia disse...

Professor,
Quer dizer Tchôla.. kk
Fui sua aluna na Ufal e agora tô por aqui na Tv Educativa trablahando na produção. Estamos fazendo uma matéria sobre os blogueiros alagoanos e queria saber se vc topa falar com a gente!
Aguardo retorno no cibeletenorio@gmail.com

Grata,
Cibele Tenório