segunda-feira, janeiro 08, 2007

Polícia: a escola do jornalismo

Fazer pauta de polícia não é fácil. Correr atrás da boa imagem, onde quase sempre não ocorre nada bom é um dilema. Mas, isso não impede que o trabalho seja realizado.

Hoje, dia dos fotógrafos, vai aqui minha homenagem aos colegas que correm atrás da notícia. Aqui exemplos de repórteres fotográficos de São Paulo, a procura do melhor ângulo.

Essa é a melhor escola para quem quer começar no jornalismo. Mesmo com algum tempinho de estrada, ainda faço coberturas policiais.

Amanhã acabo mais uma temporada e retornarei para as pautas de cidade. Um abraço aos companheiros que trabalharam comigo nesse período.

Destaco aqui: Gilberto Farias (o mestre); José Feitosa ( o poeta) e Marcelo Albuquerque ( o visionário). Um abraço especial para o nosso piloto o Givaldir Francisco.

Valeu!

Um comentário:

Silvia falcão disse...

TCHOLA

Parabéns pelo Blog que cada dia está melhor. Realmente concordo com você a área de polícia é mesmo uma verdadeira escola, especialmente num estado como o nosso..
Bom retorno a equipe de Cidades e continue nos presenteando com um jornalismo brilhante que só você sabe fazer.